EM FASE FINAL DE IMPLANTAÇÃO, FRIGORÍFICO DEVE GERAR PELO MENOS 300 POSTOS DE TRABALHO EM CANAÃ DOS CARAJÁS

0

Em tempos de crise econômica e desemprego em Canaã dos Carajás em virtude do fim da implantação do Projeto S11D, o funcionamento da nova unidade do Frigorífico Rio Maria no município deve servir como um alento para centenas de trabalhadores que buscam uma vaga de emprego. Se em 2017 quase 8 mil pessoas perderam seus postos de trabalho, com a instalação do frigorífico cerca de 300 vagas diretas surgirão para diversas funções no empreendimento.

A empresa foi comprada recentemente por Roberto Paulinelli. O empresário, que já é proprietário da unidade localizada na cidade de Rio Maria tem mais de 30 anos de experiência no ramo. A matriz, referência em toda a região, tem a capacidade de 550 abates por dia e está registrada no Sistema de Inspeção Federal (SIF), que é responsável por assegurar a qualidade de produtos de origem animal em todo o Brasil. O selo também garante que o empreendimento possa fazer exportações para todo o mundo. Entre os países que já são abastecidos pela unidade, Hong Kong, Ucrânia, Arábia Saudita, Venezuela e Egito estão entre os principais.

O vereador e atual presidente da Associação Comercial de Canaã (ACCIACA), Anderson Mendes, em entrevista ao Blog, falou sobre o empreendimento: “Vai ser um ganho muito grande para Canaã dos Carajás, pois o antigo proprietário fez uma grande estrutura por lá, mas voltada em atender somente aqui e cidades vizinhas. Já para a nova administração o foco é a exportação, como já é feito em Rio Maria. A cidade só tem a ganhar. O senhor Roberto é um grande empresário, uma pessoa séria e, pela conversa que tivemos com ele, as compras para a unidade serão feitas aqui mesmo em Canaã.

Isso vai valorizar o comércio local, além disso, a mão-de-obra vai ser daqui mesmo. Com certeza é um grande avanço para todos nós. Pessoas boas, como o senhor Roberto, acabam chamando pessoas boas também. Estamos muito animados.”

As obras do frigorífico já estão em fase final e o principal objetivo é que a unidade também se adeque ao SIF e possa fazer comércio de carne com outros países. O empreendimento deve começar as operações com 250 abates por dia, número esse que deve subir para 350 quando já houver pleno funcionamento do frigorífico.

Além dos empregos gerados, a unidade local permitirá que inúmeros pecuaristas da região possam fazer negócios e tenham o seu produto também exportado. Ainda sem data de inauguração, as obras de conclusão estão a todo vapor. A instalação do empreendimento é aguardada por todos e pode ser uma das grandes alternativas para vencer a atual crise que o município enfrenta.

Segundo o pecuarista João Barreto, que é o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Parauapebas – Siproduz -, a implantação desse frigorífico na vizinha Canaã dos Carajás é muito importante não só para a cidade de Canaã mas também para a toda a região rural, já que com novos comparadores aumentará a concorrência, o que é sempre salutar, valorizando mais ainda nosso produto. Isso sem falar nos novos empregos diretos e indiretos que vão surgir com a instalação do frigorífico.

Por: Zé Dudu – Blog Zé Dudu

Deixe seu comentário

Powered by keepvid themefull earn money

%d blogueiros gostam disto: